Qual o papel do professor na sala de aula invertida?

5 novembro, 2018

Uma dúvida que paira entre os professores é “qual o meu papel em uma sala de aula invertida?”. A metodologia ativa tira estes profissionais da zona de conforto, mas isso não precisa preocupar ninguém. Em princípio, professores estão acostumados com sua centralidade na aprendizagem e isto muda no novo conceito. Em síntese, ele se torna um mediador e agora o protagonista é o aluno.

Na sala de aula invertida, os alunos aprendem o conteúdo em suas casas. Eles estudam em ambientes lúdicos com videoaulas, games, infográficos. Depois em um momento presencial participam de atividades diversificadas, estruturadas a partir dos conceitos de metodologias ativas.

Foto: Pexels

Nesse sentido, o professor é quem seleciona os conteúdos que os alunos devem estudar em um momento pré-aula. Estes conteúdos devem ser hospedados em uma plataforma digital ou enviado por e-mail para os alunos. Desta forma eles poderão se preparar antes da aula.

No momento da sala de aula o professor utiliza de um layout da sala com mesas em círculos com o intuito de fomentar o debate. Em seguida, começa a explorar os temas fazendo perguntas sobre os conteúdos que foram estudados. O aluno tem contato com desafios práticos, e decisões que precisam ser trabalhadas em conjunto, desta forma eles conseguirão participar ativamente das aulas.

Em resumo, ao invés de trazer as respostas prontas aos alunos, ele fomenta a discussão na intenção de problematizá-las a partir de uma situação prática.

Quer saber mais sobre o assunto? Leia nossos artigos.

Sala de aula invertida: quais as diferenças com a sala de aula tradicional

Metodologia ativa: como engajar professores e diminuir a resistência


Compartilhar

RELACIONADOS